26 jan 2018

A importância do Site Responsivo

A importância do Site Responsivo

 

A importância do Site Responsivo

Um site responsivo ou mobile, é aquele que se adapta a qualquer dispositivo, seja ele computador, tablete ou celular, o chamamos também de mobile friendly.

Nos dias de hoje, o número de usuários que utilizam smartphones cresceu exponencialmente, ultrapassando os que utilizam computadores.

Levando isso em consideração, a adequação do site para essas pessoas é essencial e necessária, tornando um site comum em um site responsivo.

Quando meu site não é responsivo

Quando a página não é responsiva, o usuário precisa ficar aumentando e diminuindo a tela, esperar mais tempo para que o site carregue, há problemas ao tocar nos botões, é uma dor de cabeça para o indivíduo.

Muitos quando se deparam com esse tipo de página, saem imediatamente por não ter uma experiência positiva, relevante e que facilite a vida, é exatamente isso que deve ser levado em consideração. Outro fator importante que ocorre quando o usuário sai rapidamente de uma página, é que a taxa de rejeição da mesma aumenta, quando isso acontece com frequência é muito prejudicial para os seus negócios.

Quando seu site é responsivo e proporciona uma boa experiência para o usuário, fazendo-o passar mais tempo navegando, o Google acaba classificando seu site como relevante e isso é uma forma de como aparecer na primeira página dos resultados do Google. 

Ter um site otimizado para dispositivos móveis faz parte de uma série de boas práticas de SEO para aplicar em sua estratégia de geração de tráfego, logo a tendência é ter qualidade e ser relevante nos buscadores.

Motivos Para Ter Um Site Responsivo

Sem dúvidas ter um site responsivo já é uma obrigação, até mesmo porque o Google penaliza os sites que não oferecem uma boa experiência para o usuário. Acompanhe abaixo as maneiras de conseguir atingir esse objetivo:

Experiência do Usuário:

Como dito anteriormente, quando o usuário acessa um site é fundamental que ele tenha uma boa experiência e para isso acontecer ele precisa conseguir rolar a página e ler o conteúdo da forma mais simples possível.

Em casos em que isso não ocorre, a tendência do usuário sair sem nem ao menos saber do que se trata o site, é de 90%.

Ganho de Resultados:

Com maiores taxas de consumo do seus conteúdos no site, a tendência de ganho de resultados é muito maior. Assim você conseguirá fazer com que o usuário compreenda melhor o seu negócio e se ele atende suas expectativas.

Carregamento rápido:

Quando o site é leve e feito para aquele tipo de navegação, ele fica muito mais rápido e fácil de navegar, tornando a prática muito mais rápida.

Mais visibilidade:

Quando o seu site é otimizado para dispositivos móveis, ele poderá ter maior visibilidade no Google e outros buscadores, através dos resultados orgânicos, através de links patrocinados e redes sociais.

Com um site responsivo você poderá criar campanhas de links patrocinados voltadas para dispositivos móveis, atingindo ainda mais o público alvo já que o acesso através desse tipo de dispositivo só vem aumentando.

Dessa forma, o número de pessoas acessando o site será maior, a tendência a compartilhamentos e comentários nas redes sociais também é mais alta.

Se o site do seu negócio ainda não é responsivo, procure uma empresa qualificada para torná-lo responsivo o mais breve possível, pois certamente o número de clientes perdidos devido ao fato de não ter um site responsivo e grande.

Share this
25 jan 2018

CEO, CFO, CIO, CMO… Você sabe o significado?

 

A adoção de termos em inglês por parte das empresas é algo cada vez mais comum.

Você já deve ter se deparado com muitas palavras e expressões que não entendeu muito bem na hora e, até para se não se sentir deslocado, precisou pesquisar o significado depois.

Para esclarecer algumas de suas dúvidas, apresentamos o significado das famosas siglas destinadas aos diretores de diversas áreas em uma organização:

CEO (Chief Executive Officer)

Diretor geral ou presidente da empresa, é o cargo que está no topo da hierarquia operacional.

CFO (Chief Financial Officer)

Diretor financeiro, é o profissional que comanda a administração e planejamento financeiro da empresa.

CIO (Chief Information Officer)

Diretor de Tecnologia da Informação, fica responsável por toda a informática de uma empresa.

CMO (Chief Marketing Officer)

Diretor de Marketing, coordena e administra todas as ações de Marketing da companhia.

COO (Chief Operating Officer)

Diretor de Operações, é o braço direito do CEO e responsável por cuidar de perto do negócio da empresa.

CTO (Chief Technical Officer)

Diretor técnico, mais presente em empresas de TI e indústrias, dirige ações de cunho tecnológico e/ou científico.

CPO (Chief Product Officer)

Diretor de produtos, comanda as atividades relacionadas aos produtos da organização, como concepção, projeto e produção.

CHRO (Chief Human Resources Officer)

Diretor de Recursos Humanos, é o profissional que dirige as ações voltadas à gestão de pessoas e, muitas vezes, à comunicação interna da corporação.

CCO (Chief Communications Officer)

Diretor de Comunicação, é o líder de comunicação corporativa e responsável pelas relações da empresa com a imprensa, os clientes e a comunidade.

CLO (Chief Legal Officer)

Diretor jurídico, é o responsável por proteger legalmente a empresa e deve garantir que as estratégias da companhia atendam as questões jurídicas.

CKO (Chief Knowledge Officer)

Diretor de Conhecimento, deve gerir o capital intelectual da organização e o conhecimento dos profissionais em relação ao negócio.

Share this

©Albuquerque Host. Desenvolvido por  AchEI Brasil 1996 a 2021. Todos Direitos Reservados.

Click Me